Quando a TPM é mais forte

tpm

Mau humor, fadiga e muitas dores pelo corpo. E pode ser ainda pior. Se para você a tensão premenstrual é mais severa, a causa pode estar mais próxima que imagina. Na verdade, em seu DNA. E agora?

Leia mais:

Meu pulo do gato – Veja como perdi e mantenho longe mais de 60 quilos

Reeducação alimentar – Conheça o cardápio que mudou a minha vida

A implacável TPM é inimiga de muitas mulheres.

Cerca de 85% de nós sofremos no período que precede a menstruação.

São alterações de humor, fadiga e dores que duram cerca de duas semanas.

Mas, para 5%, os sintomas são mais severos.

Para estudo do National Institutes of Health (Estados Unidos), o motivo é genético.

E foi batizado como distúrbio disfórico premenstrual – PMDD, em inglês.

Segundo um dos autores, o professor David Goldman, “este é um grande momento para a saúde das mulheres”.

“Isso porque estabelecemos que as mulheres com PMDD têm uma diferença intrínseca para a resposta aos hormônios sexuais”.

Na pesquisa, os cientistas conseguiram “desligar” a resposta aos hormônios estrogênio e progesterona.

Esta ação eliminou os sintomas do PMDD.

Paralelamente, a adição dos mesmos hormônios desencadeou a volta dos sintomas mais uma vez.

Agora, resta aguardar por mais pesquisas.

A esperança é utilizar a descoberta para desenvolver diagnósticos mais precisos do distúrbio genético.

E para tratamentos eficazes contra quem mais sofre com a TPM.

O estudo foi publicado no periódico científico Molecular Psychiatry.

Para ajudar, é possível combater a TPM com nutrientes encontrados em uma boa alimentação.

Veja a seguir uma lista para a próxima vez em que for fazer a feira – clique aqui.

Tags: , , , , ,