A cor de 2018

a-cor-de-2018

Qual será a cor de 2018? Relatório da consultoria global WGSN aponta um dos fortes candidatos a ornar seu closet. Conheça o “Frozen Yellow”.

Leia mais:

Cura das cores – Por que as pílulas são diferentes?
Nutrição pelas cores – Quanto mais colorido o prato, melhor

Todos os anos adoro saber qual cor vai dominar a temporada.

Seja nas vitrines ou montadoras de automóveis, a questão é crucial para a indústria.

O anúncio oficial é sempre feito pela Pantone, fornecedora global de pigmentos.

Cansada de esperar, desta vez resolvi investigar as especulações.

Este trabalho é feito por “caçadores de tendências”.

São empresas que mantém profissionais ligados em tudo que possa indicar uma preferência.

Segundo a maior delas, a WGSN, a bola da vez parece ser o “Frozen Yellow”.

Pode chamar também de chartreuse, citron ou amarelo de caneta marca-texto.

As pistas desta crescente preferência estão por aí.

A mais chamativa é o tênis Yeezy Boost 350 v2 “Semi Frozen Yellow”.

Isso porque seu lançamento, cercado de enorme expectativa, será no dia 18/11.

Como os iPhone, as criações do rapper Kanye West para a Adidas costumam criar filas.

Outro artista que adotou a cor foi Alexander Wang, em peças para a mesma marca.

O russo Gosha Rubchinskiy, um dos novos nomes mais falados da Europa, a usou para Kappa.

Balenciaga, Gucci e Marc Jabos já se arriscaram com o luminoso amarelo.

Para explicar a escolha, a WGSN cita suas características de contraste e drama.

A radioatividade também atua como reforço da escolha.

Como assim?

O holocausto nuclear, temido desde a posse de Trump, tem influência.

Portanto, fique de olho.

Se for escolher alguma peça, pergunte pela cor do ano que vem.

cor2018tenis

Pisante: adidas Yeezy Boost 350 v2 “Semi Frozen Yellow”

russo

Da Rússia: Gosha Rubchinskiy para Kappa

cor2018adidas

A cor no closet com Alexander Wang X adidas Originals

Tags: , , , ,