Comendo até a casca

banana

Já se disse que os países latinos são repúblicas das bananas. É melhor redirecionar o GPS. Japão apresenta as primeiras bananas inteiramente comestíveis. Sim, cascas incluídas.

Leia mais:

Culinária engay – Japão cria novos alimentos para os mais velhos
Viaje comigo – Conheça meus lugares favoritos no Japão

Estamos diante de um momento único na história.

É o fim das escorregadas nas cascas das bananas.

Ao menos é o que se vislumbra diante deste curioso lançamento.

Foi apresentada no Japão a primeira banana 100% comestível.

A nova fruta foi criada pela empresa D&T Farm.

Seu desenvolvimento foi possível ao serem manipulados o DNA de algumas variedades.

A espécie foi batizada “mongee” (pronuncia-se “mon-gay”).

Embora seja uma fruta tropical, a mongee é cultivada no frio município de Okayama.

No local, a temperatura média é 15,5 °C.

Como crescem longe de seu habitat, as novas bananas não têm predadores naturais.

Isso significa que não enfrenta pragas e dispensa pesticidas.

Ou seja, são naturalmente orgânicas.

A divulgação afirma que seu sabor é mais adocicado que as bananas normais.

Aparentemente, a casca têm o mesmo gosto da fruta.

Mas, para conferir qual seria, é preciso entrar na fila.

Apenas 10 bananas estão à venda a cada semana na loja Tenmanya.

Por este motivo a novidade tem um custo, paradoxalmente, salgado.

Exatamente ¥648 (cerca de 20 reais) cada.

banana-mongee

Banana mongee: a primeira com casca comestível

Tags: , , , , ,