Cultivando conexões

arvores

Uma cidade atribuiu endereços de e-mail para cada árvore do município, para que os cidadãos relatassem problemas. Mas, estabelecida a conexão, elas receberam cartas de amor.

Leia mais:

Alimentando amizades – Campanha estimula conversas entre estranhos
A gentileza está no ar – Bilhetes inspirados tornam viagem mais tranquila

Tem gente que fala com as plantas.

E há quem mande e-mails.

Na cidade australiana de Melbourne é assim.

Tudo graças a um projeto da prefeitura local chamado Urban Forest Visual.

Através do incrível sistema, absolutamente todas as árvores da cidade estão registradas.

A “população” cadastrada é de cerca de 60 mil.

No site é possível ver a localização, a data do plantio, cuidados recebidos de cada espécie vegetal.

Cada árvore possui um chip, que comunica problemas em sua saúde aos responsáveis.

E também uma caixa postal de e-mail.

A ideia era que os moradores usassem o correio eletrônico para relatassem problemas, como galhos grandes demais.

Mas, com o passar dos anos, o perfil das mensagens mudou.

Agora, as árvores recebem mensagens de amor, pedidos de conselhos, confissões.

Entretanto, o mais incrível é que elas respondem.

Funcionários da prefeitura entram no clima e buscam manter a conexão.

Que pode incluir os temais atuais, como as questões de gênero.

Com quando a árvore com ID 1357982, foi perguntada se árvores têm gênero.

A resposta foi biológica e socialmente perfeita.

O vegetal declarou tinha “flores perfeitas, que incluem ambos os gêneros na minha estrutura”.

O que era o caso para aquela espécie específica

Com criatividade e atos de gentileza urbana assim, podemos renovar as esperanças em um mundo mais justo.

Um sentimento que deve ser cultivado nesta época.

Fica a inspiração para que você mande, enfim, aquela mensagem.

Você nunca terá uma resposta se não perguntar.

Eventualmente, até as árvores respondem.

Tags: , , , , ,