Vida social influencia na saúde

Querendo manter-se com saúde e longe do peso extra? Reative a agenda telefônica. Segundo estudo da Universidade Brigham Young, a solidão pode prejudicar tanto quanto a obesidade.

Leia mais:

Internet ajuda ou prejudica? – Os efeitos da amnésia digital
Você, robô – Estamos nos comportando como iDiots

Pessoas que vivem rodeadas de amigos podem viver até 50% mais.

É o que afirma um estudo feito pela Universidade Brigham Young (Estados Unidos).

A pesquisa estudou a influência dos círculos sociais sobre a saúde.

E conclui que a solidão pode ser tão ruim quanto fumar 15 cigarros por dia.

Ou mais prejudicial à saúde que a obesidade.

Para chegar a esta conclusão, foram analisados dados de 300 mil pessoas, acompanhadas ao longo de sete anos.

Aparentemente, tomar conta de outra pessoa nos leva a cuidar melhor de nós mesmos.

“Quando alguém se sente conectado e responsável por outras pessoas, cuida melhor de si e assume menos riscos”.

A declaração é de uma das autoras, Dra. Julianne Holt-Lunstad.

Sem alguém para amar e cuidar, diminuem as chances de sobrevivência.

O que pode levar facilmente a frustrações, obesidade e sedentarismo, num círculo vicioso.

Vale o convívio virtual proporcionado pelas redes sociais?

Infelizmente, não.

As redes sociais podem levar as pessoas a acreditarem que não necessitam de um convívio cara a cara, o que é perigoso.

O estudo foi publicado no periódico científico PLoS Medicine.

Tags: , , , ,