Televisão que engorda

Todos dizem que televisão engorda. Só que ninguém esperava que estivessem falando de quem a assiste. Estudo revela como programas culinários podem levar a excessos e obesidade.

Leia mais:

Reeducação alimentar – Conheça o cardápio que mudou a minha vida
Meu método – Tudo que aprendi sobre emagrecer e viver bem

O universo culinário alcançou o máximo de sua popularidade.

As emissoras sempre tiveram quadros de receitas em sua grade matinal.

E já são famosos os reality shows onde participantes e chefs exibem suas habilidades – ou não.

Mas ninguém assiste a tal programação impunemente.

É o que revela um curioso estudo da Universidade de Surrey (Inglaterra).

Nele, foi feito um experimento com 88 voluntários, divididos em três grupos.

O primeiro foi instruído a assistir a um vídeo de alguém fazendo uma panqueca de queijo.

O segundo teve que fazer sua própria panqueca, com base nas instruções oferecidas.

Já o terceiro comeu uma panqueca após uma atividade de distração e lazer, que foi colorir uma ilustração.

Um grupo de controle comeu a panqueca pronta, sem fazer atividade alguma.

Os pesquisadores mediram o desejo dos voluntários de comer através de questionários antes e depois da atividade designada.

Como resultado, quem assistiu aos alimentos sendo preparados comeu 14% a mais (281 g).

Segundo disseram aos pesquisadores, fazer isso aumentava sua vontade de comer e assim sentiam mais fome.

Aparentemente, ver a comida parece aumentar o quanto pensamos sobre a comida, o quanto a queremos e, por sua vez, a quantidade de comida que consumimos, explicaram os autores.

O grupo que teve que colorir uma ilustração comeu menos de todos os quatro grupos (244 g).

Isso sugere que engajar em uma atividade de distração antes de comer pode ajudar a reduzir o quanto você consome.

Talvez seja possível usar o feitiço contra o feiticeiro.

Os autores descobriram que assistir a alimentos não saudáveis sendo preparados pode aumentar a quantidade de alimentos não saudáveis que você consome.

Portanto, substituir seu programa por um que prepare pratos mais saudáveis pode aumentar seu consumo desta categoria.

O estudo foi publicado na revista científica Appetite.

Tags: , , ,