Acelerando ainda mais o metabolismo

Malhar deixa o corpo acelerado por horas. Tipo, muitas horas. Estudo revela como exercícios ativam os neurônios que influenciam o metabolismo e desligam o apetite por até dois dias.

Leia » Acelerando ainda mais o metabolismo

Meditação é fitness

Meditar é malhar? Um programa de meditação e redução do estresse pode levar as pessoas a se moverem mais. E a abandonarem o sedentarismo.

Leia » Meditação é fitness

Todos contra a inação

Não é mais possível ficar parado. Um novo estudo descobriu que fugir da academia pode ser mais prejudicial à saúde do que fumar.

Leia » Todos contra a inação

Tem dois minutos?

A maior desculpa para fugir da academia é falta de tempo. Mas apenas dois minutos de exercício em alta intensidade podem ser tão bons quanto 30 de treino moderado. Será?

Leia » Tem dois minutos?

Conheça o exercício completo

Aprenda a fazer o exercício perfeito

Para serem selecionados, soldados o fazem. Atletas o encaram todos os dias. Apesar da fama de durão, o “burpee” pode ser praticado por todos que perseguem a boa forma. Mesmo sem ter tempo para isso.

Leia » Conheça o exercício completo

Sempre vale a pena

Mais uma desculpa se esvai. Novo estudo revela que, contrariando as expectativas, a baixa qualidade do ar não desperdiça os benefícios de exercícios.

Leia » Sempre vale a pena

Correndo para ser feliz

Quer ser feliz? Amarre os tênis e vá correr. Novo estudo revela que pessoas que correm são geralmente mais felizes do que o resto da população.

Leia » Correndo para ser feliz

Enfim, é hora de começar

Toda hora é hora. Até quando se acha tarde demais. Estudo revela como sedentários a vida toda podem se beneficiar ao começar a praticar atividades físicas.

Leia » Enfim, é hora de começar

Engordando por assinatura

É preciso limites! Estudo canadense revela que cada hora que uma criança passa assistindo TV garante considerável aumento de peso quando chega à adolescência.

Leia » Engordando por assinatura

Proteja a saúde na academia

Quem malha estressa o corpo e expõe-se mais a inflamações, certo? Nada disso. Novo estudo revela como pouca atividade está associada a um maior grau de inflamação. E a uma maior circunferência abdominal.

Leia » Proteja a saúde na academia