Um brinde possível

O vinho tem sido a bebida do isolamento. Leia meu artigo, que foi publicado originalmente na revista Veja.

Leia » Um brinde possível

Felicidade que contagia

Felicidade que contagia

A felicidade contagia. Só que você não tem noção do quanto. Segundo estudo realizado nos Estados Unidos, quem é feliz faz parceiro ser mais saudável.

Leia » Felicidade que contagia

Menu das emoções positivas

Frutas, folhas e legumes podem elevar a saúde mental a ponto de desfazer parte do estresse de eventos traumáticos. Veja como fortalecer-se contra a ansiedade e o estresse pelo que come.

Leia » Menu das emoções positivas

Cancelando o sedentarismo

O isolamento força você ao sedentarismo? Estudo revela que realizar tarefas leves em casa (ou até ir dormir) ajuda seu humor mais do que ficar inativo.

Leia » Cancelando o sedentarismo

Paladar pós-pandemia

Como será o “novo normal” do paladar? Relatório aponta tendências do novo cenário alimentar global. E revela as preferências dos sabores na pós-pandemia.

Leia » Paladar pós-pandemia

Perdoar faz bem à saúde

Perdoar faz bem à saúde

Para fortalecer a saúde e a imunidade, baixe a guarda. A ciência prova que o ato de perdoar faz bem para o corpo, ao eliminar efeitos deletérios provocados pelo estresse.

Leia » Perdoar faz bem à saúde

Futuro de esperança

Nova pesquisa revela que quase três quartos dos consumidores em todo o mundo planejam comer e beber de forma mais saudável, como resultado da pandemia.

Leia » Futuro de esperança

Abrindo a geladeira

Durante a pandemia, cozinhamos mais. O que nos leva a prestar mais atenção ao que falta em casa. Para inspirar sua quarentena, livro revela as geladeiras dos grandes chefs.

Leia » Abrindo a geladeira

Criatividade no home office

Estão todos trabalhando em home office. Mas, sem a interação, fica difícil manter o foco e surgir com soluções novas. Veja agora como manter a criatividade no isolamento.

Leia » Criatividade no home office

Desarmando a ansiedade

Quando a situação complica, sempre nos dizem para respirar fundo. E a ciência corrobora. Estudo revela que a técnica faz os neurônios sinalizarem ao corpo para relaxar.

Leia » Desarmando a ansiedade