Como viver sem açúcar?

Como viver sem açúcar?

Crescemos com o hábito de comer doce em excesso. Pesquisas já revelaram que o brasileiro ingere de três a seis vezes mais açúcar que a média mundial. Mas exclui-lo totalmente da mesa pode ser uma determinação drástica demais. Veja como evitar ficar deprimida e desejá-lo ainda mais.

Leia » Como viver sem açúcar?

Círculo vicioso

Círculo vicioso

Admiro os esforços do governo inglês contra a crise de obesidade que vive o país. Mas assim fica difícil. Depois de fechada para reformas, a roda-gigante que é símbolo da capital reabre pintada de vermelho, por conta do patrocínio da Coca-Cola. Pega de surpresa, a sociedade reclama e pede coerência.

Leia » Círculo vicioso

Declarada guerra ao açúcar

Declarada guerra ao açúcar

Quem fica parado é poste. Ou uma pessoa que vê reduzida a eficácia da reação. Desde o primeiro dia útil de 2015, o governo da Inglaterra veicula campanha que promove a troca vantajosa do açúcar na dieta. Como na idade adulta o prejuízo é quase irreversível, a meta é combater seus efeitos na infância.

Leia » Declarada guerra ao açúcar

A doce armadilha da frutose

A doce armadilha da frutose

Ao temer os males do açúcar, parece que o maior inimigo não é bem a glicose. Estudo da University of Southern California revela que maior ameaça à saúde e à balança vem da frutose. Com ela, sai a saciedade e entra o desejo de comer mais.

Leia » A doce armadilha da frutose

Com todo o gás

Peso líquido

O consumo exagerado das bebidas carbonatadas, com suas altas doses de açúcar escondido, é um dos maiores responsáveis pela obesidade infantil. Mas adultos também sofrem. Para provar, inglês encara 300 latas de Coca-Cola em um mês. O resultado é previsível, mas não deixa de surpreender.

Leia » Com todo o gás

Perigo na caixinha

Perigo na caixinha

A ameaça do açúcar escondido é ainda maior quando as vítimas são as crianças. Afinal, todo o peso extra que ganham nesta fase é mais difícil de perder. Estudo revela que sucos prontos podem conter até oito colheres de açúcar – 60% mais que refrigerantes.

Leia » Perigo na caixinha

Se rótulos recomendassem exercícios

Se rótulos recomendassem exercícios

Imagine se os rótulos dos alimentos, além da contagem de calorias, viessem com a indicação de quanto exercício seria necessário para queimá-las. Uma lata de refrigerante, por exemplo, precisa de 50 minutos de malhação para ir embora. Antes de comprar, pensaríamos duas vezes.

Leia » Se rótulos recomendassem exercícios

O açúcar silenciado

O açúcar silenciado

Os apelos que encontramos nas embalagens e rótulos até fazem rir, enquanto o normal seria esperar o contrário. Quando lemos “sem açúcar”, o certo é encontrar uma amarga mentira.

Leia » O açúcar silenciado

Frutose, o lado amargo do açúcar

Amargo açúcar

A recomendação é a de que você coma frutas com frequência. Mas a frutose, o chamado “açúcar da fruta”, está sendo questionada quanto a seus benefícios. O melhor é descascar esse assunto.

Leia » Frutose, o lado amargo do açúcar

Fica, vai ter bolo

Fica, vai ter bolo

Vai sim, e a cada 30 segundos. Então, pode arrumar motivo para festejar. E muitas velas para acender. Estudantes de Harvard inventaram um jeito de nunca mais faltar bolo.

Leia » Fica, vai ter bolo