O primeiro erro do dia

primeiro-erro-do-dia

Principal refeição do dia? Estudo realizado na Inglaterra revela como estamos comendo metade da cota diária de açúcar logo no café da manhã.

Leia mais:

A ameaça do açúcar escondido – Atenção ao que você consome
Açúcar nos olhos – Veja o quanto estamos consumindo sem saber

Ele é conhecido como a refeição mais importante.

Mas o café da manhã tem se revelado uma grande ameaça.

Afinal, foi-se o tempo do café com leite e do pão francês com manteiga.

Segundo um novo estudo, as crianças têm consumido o equivalente a quase três cubos de açúcar no desjejum.

Trata-se da metade do máximo diário recomendado.

A pesquisa foi feita pela Public Health England (PHE).

Trata-se da autoridade do governo britânico responsável pela saúde pública naquele país.

Aparentemente o erro é dos pais.

Nada menos que 84% deles acreditam estar garantindo aos filhos uma refeição saudável.

Só que não.

Os dados levantados apontam 9,3% das crianças de zero a cinco anos na Inglaterra como obesas.

E o número aumenta para 19,1% na faixa entre 10 e 11 anos.

A obesidade é mais comum em meninos, e estas taxas dobram em áreas menos favorecidas.

Os últimos números mostram que as crianças naquele país comem mais de 11 gramas de açúcar na hora do café da manhã.

O máximo diário recomendado é de 19 gramas para crianças de quatro a seis anos.

A cota passa para 24 gramas dos sete aos 10 anos.

E para 30 gramas para crianças de 11 anos ou mais.

Quando chega a noite, estas crianças comeram mais de três vezes essas quantidades.

Os principais culpados são os cereais matinais, sucos e cremes como pasta de amendoim e Nutella.

Ao longo da jornada, somam-se doces, chocolates, biscoitos e refrigerantes.

Itens que também contêm quantidades insalubres de gordura e sal.

Para conter o problema, que se reflete anos depois, o PHE negocia com os fabricantes.

A meta é reduzir o açúcar adicionado aos alimentos processados em 20%.

A iniciativa é válida, claro.

Mas o esforço não pode prescindir da participação dos pais e educadores.

Cá como lá, é de se imaginar que vivenciamos o mesmo problema.

Mesmo atarefados, não devemos servir apenas alimentos processados às nossas crianças.

E nem aos adultos da casa, é claro.

Observe a mesa do café da manhã de sua família atentamente.

E veja o que pode ser evitado ou substituído.

Algumas frutas, como tangerinas e bananas, são tão práticas de consumir quanto bolachas.

Participe do esforço de comer saudável, principalmente na primeira refeição do dia.

Que, desta forma, pode reconquistar o posto de a mais importante para todos nós.

Então, o que comer pela manhã?

Confira o melhor menu para nutrir e nos manter saciadas ao longo do dia – clique aqui.

Tags: , , , ,