O poder da cebola roxa

cebola-roxa

Cebola branca ou roxa? Para fortalecer a saúde contra as maiores ameaças, novo estudo da Universidade de Guelph (Canadá) recomenda o poder da segunda opção.

Leia mais:

Geleia de cebola – Revelando o sabor light
Cebola surpresa – Você não acredita o que pode fazer com ela

Comer cebolas roxas pode ajudar a combater o câncer, sugere uma nova pesquisa.

O bulbo está cheio de compostos poderosos que ajudam a mitigar tumores.

O efeito vem das antocianinas, compostos vegetais responsáveis pela coloração escura do vegetal.

Aparentemente, estes potentes antioxidantes podem inibir a propagação da doença.

A ação é potencializada por outro composto das cebolas roxas, um flavonoide chamado quercetina.

Este flavonoide atua reduzindo o tamanho das massas cancerígenas.

“Cebolas roxas promovem um ambiente desfavorável para células cancerígenas”.

A explicação é de um dos autores, Dr. Abdulmonem Murayyan.

“O alimento perturba sua comunicação, o que inibe seu crescimento”.

As provas registradas são contundentes.

Nos testes, células cancerígenas foram postas em contato direto com a quercetina de cinco variedades de cebolas diferentes.

Dentre todas, a cebola roxa (“Ruby Ring”) foi considerada a mais potente.

A verdade é que o sucesso foi alcançado em laboratório.

O que não significa que o mesmo aconteceria no corpo humano, muito mais complexo.

Assim, devemos esperar os resultados de testes com voluntários.

Mas isso não tira o mérito da descoberta.

Ao apontar quais moléculas nas cebolas oferecem esses efeitos, os cientistas podem desenvolver novas drogas no futuro.

Até lá, como medida preventiva altamente saborosa, vale apostar na opção.

Quem sabe na forma de geleia – veja aqui a receita.

Tags: , , , ,