Nova receita de saúde

Nova receita de saúde

Chega de remédios. Associação britânica de medicina decide prescrever corridas em vez de drogas para melhorar a saúde e bem-estar.

Leia mais:

Correr e ser feliz – Atividade está ligada ao estado de espírito
Pouco exercício já é o bastante – Nenhuma desculpa cola mais

Consultas, medicação, cirurgias.

Em escala populacional, o tratamento médico convencional é ineficaz.

E extremamente dispendioso.

Por isso, prevenir para não remediar nunca fez tanto sentido.

Neste sentido, o Royal College of General Practitioners destacou-se em seu último comunicado.

A entidade britânica tem atuação similar ao Conselho Federal de Medicina brasileiro.

Em nota, o órgão recomenda a seus associados receitarem exercícios no lugar de remédios.

“Mudanças no estilo de vida podem ter um impacto realmente positivo na saúde”.

“E por isso é importante manter as pessoas ativas”.

A organização diz que vai sugerir que se recomende adesão aos eventos Parkrun.

Tratam-se de corridas de 5 km promovidas semanalmente em parques no Reino Unido.

A participação é gratuita e envolve atividade física com companheirismo.

O anúncio acontece depois de um estudo científico revelar que uma em cada cinco pessoas em todo o mundo será obesa até 2045.

É claro que a prescrição quase não tem contra-indicações.

Antes de começar uma atividade depois de longo tempo parado, é necessário consultar o seu médico.

Mas a iniciativa será particularmente recomendada a sedentários.

E aquelas com condições crônicas que podem se beneficiar dos exercícios.

Sem falar que participar destas corridas torna as pessoas mais felizes.

A revelação é da Universidade Glasgow Caledonian (Escócia).

Para ler mais sobre este assunto – clique aqui.

Tags: , , , , ,