“Match” genético

match-genetico

Um “match” escrito nas estrelas. Novo app de encontros usa DNA para aproximar pessoas, que seriam compatíveis geneticamente para formar casais perfeitos.

Leia mais:

Internet ajuda ou prejudica? – Os efeitos da amnésia digital
Conexão com o apetite – Que tal iguarias artesanais nas pontas dos dedos?

Aplicativos de encontros já não são uma novidade.

Nem as frustrações que provocam.

Afinal, como garantir a química perfeita entre dois estranhos?

Pois esta é a promessa do mais científico deles.

Pheramor é um app que usa a genética para identificar casais perfeitos.

Após o download, o usuário solicita o envio de um kit.

Nele vem um cotonete, o qual deve ser raspado no interior da bochecha.

Isso retira uma amostra do DNA, que é recolhida e analisada em laboratório.

Com isso são isolados e digitalizados 11 genes, ligados a fatores de atração.

Esses dados são reunidos a traços de personalidade, retirados das redes sociais do contratante.

Assim, não é você quem faz seu perfil neste sistema.

Nele não são listados hobbies, patrimônio, nada disso.

O “match” é feito pelo algoritmo, aproximando as pessoas compatíveis geneticamente.

Com isso, o programa simula a paixão à primeira vista.

Ao menos, seus efeitos na química corporal.

Isso faz com que o primeiro encontro ao vivo seja inteiramente satisfatório.

Tanto que poderia até ser marcado na igreja.

No início, Pheramor opera apenas na cidade de Houston, Texas (Estados Unidos).

Se for bem sucedido, é certo que deverá se consolidar em um serviço global.

Para saber mais sobre a influência dos gadgets em nossas vidas – clique aqui.

Tags: , , , , , ,