Sabe o tabu entre sexo e esporte?

fim-do-tabu-entre-sexo-e-esporte

Por muito tempo, a questão foi um tabu. Que finalmente está sendo exposto como tal. Estudo revela que sexo antes do esporte melhora a performance e pode levar a recordes. O que estamos esperando? 

Leia mais:

Desejo espresso – Café com afrodisíaco faz o clima
Meu pulo do gato – Perdi 60 quilos ao reinventar meu cotidiano

Se você é ou foi uma atleta, já conviveu com a proibição.

E se é fã de esportes, já ouviu falar do jejum sexual a que esportistas são submetidos antes de suas atuações.

Diversos atletas de elite, como Muhammad Ali, já praticaram o celibato temporário para preservar a agressividade e concentração.

A crença é de que o amor físico “rouba” energia vital, que faz a diferença nas competições.

Agora, um estudo da Universidade de Florença (Itália) sugere que o sexo antes do esporte pode ajudar a melhorar o rendimento.

Os pesquisadores italianos revisaram nove estudos.

Neles, encontraram evidências de que a força de atletas femininas não diferiram se elas tiveram relações sexuais na noite anterior.

Além disso, o sexo pareceu melhorar o desempenho de corredores de maratona.

Na verdade, a ciência tem mostrado que o sexo estimula a produção de testosterona e, por conseguinte, aumenta a agressividade.

Nas mulheres, pode ajudar a combater dores musculares ou outras lesões esportivas, devido ao efeito que bloqueia a dor.

O efeito pode durar até um dia no caso de dor crônica, como a dor muscular.

E, afinal de contas, o sexo não é um exercício que exige muito das pessoas, mesmo as mais criativas.

Uma hora de envolvimento íntimo pode queimar tantas calorias quanto uma corrida leve de 30 minutos.

Homens e mulheres podem queimar de três a quatro calorias por minuto, dependendo de quanto tempo investem no relacionamento.

Isso equivale à energia gasta em subir dois lances de escada.

Mesmo antes da divulgação deste estudo, parece que os atletas já “desrespeitam” o mito.

Afinal, não foi por acaso que foram disponibilizados 450 mil preservativos para os participantes dos Jogos Olímpicos do Rio.

Além dos atletas olímpicos, entre os adeptos do sexo antes do esporte estão carques como Cristiano Ronaldo, jogador do Real Madrid.

Como dica, os cientistas recomendam dar um tempo para recuperar as energias depois do sexo e antes de entrar em campo.

O estudo foi publicado no periódico científico Frontiers in Psychology.

Tags: , , , , , ,