Em ponto de bala

em-ponto-de-bala

Morrendo de vontade de comer um doce? Escolha a hora certa. Para degustar guloseimas favoritas sem culpa, veja como criar duas “janelas de oportunidade” na sua dieta.

Leia mais:

Levanta-te e anda – O sedentarismo não está com nada
20 minutos para mudar a sua vida – Veja o LIT (Lucilia Intensive Training)

Convivemos com as tentações ao redor.

Se juntar a facilidade do acesso com o apetite provocado pelo estresse, comeríamos balas o dia todo.

Ao invés disso, é possível degustar o doce que quiser.

Desde que se faça estrategicamente.

É o que apresenta uma interessante matéria da revista Time.

Nela foi entrevistada a nutricionista canadense Dra. Christy Brissette.

Segundo ela, a primeira regra é nunca comer apenas o doce.

É preciso comer algo com proteína, gorduras insaturadas e fibras antes de consumir açúcares simples.

Ingerir alimentos mais substanciosos antes dos doces desacelera sua absorção no sangue.

O que evita picos de insulina, produzida para regular o excesso de açúcar.

A Dra. Emma cita pesquisa anterior, feita pela Clínica Mayo (Estados Unidos).

Nela foi apontado que altos níveis de insulina estão relacionados a obesidade e diabetes tipo 2.

Mas há uma oportunidade ainda melhor para encarar algo com açúcar.

E é depois da malhação.

Depois do exercício, as células buscam repor a energia gasta.

Atividades físicas queimam glicogênio (uma forma de glicose armazenada) e é possível repor com o açúcar rapidamente absorvido.

Só não esqueça de comer alguma proteína para reparar os músculos.

É claro que nenhuma das medidas pode ser eficaz diante do exagero.

Também cabe ressaltar que estas são recomendações generalizadas.

Para esclarecer dúvidas sobre seu caso pessoal, consulte seu médico.

Tags: , , , ,