Dica de viagem: a prova da bolsa

Dica de viagem: a prova da bolsa

Como arrumar a mala, o que vestir no voo, como embarcar seu pet. Dicas de viagem ocupam-se geralmente com a parte da ida. Mas, para mim, o pior da jornada é a volta. Confira um ensinamento valioso, que vai ajudar você a chegar logo em casa.

Leia mais:

A melhor viagem – Tudo começa com dicas na bagagem
Fome do mundo – A verdadeira viagem se faz pelo paladar

Depois de semanas fora de casa, dezenas de horas no ar e mais uma para o desembaraço alfandegário, chego muito cansada. Por isso, desenvolvi hábitos que facilitam o meu desembarque.

Em todo destino escolhido, procuro encarar programas distintos. Como cada ocasião requer um look especial, levo comigo algumas bolsas. Como são de qualidade e duram bastante, muitas vezes são confundidas como novas.

Por conta disso, na hora da volta, algumas vezes funcionários da aduana me questionam se eu as adquiri naquela viagem. Não me importo em declarar bens comprados no exterior. Mas, nestes casos, desentendimentos podem levar à uma injusta tributação, como já aconteceu comigo, que paguei duas vezes imposto sobre uma mesma bolsa, na hora da compra e diante da Receita Federal.

Para evitar este contratempo, costumo fotografar as bolsas que vou levar antes de embarcar ao lado de um jornal brasileiro do dia. Assim, tenho uma prova de que as possuía previamente. Ou seja, em caso de dúvida, basta mostrar as imagens no smartphone.

Esta dica também vale para outros itens de valor, e pode ser de extrema valia na sua próxima viagem.

Dica de viagem: a prova da bolsa

Prova de compra prévia: antes de viajar fotografo as bolsas que vou levar, ao lado do jornal do dia

Tags: , , , , ,