Caldo de peixe

Sou do tipo que preserva as tradições culinárias, como a de preparar um bom caldo, que requer horas e horas no fogo lento, para apurar bem o sabor. Como um bom caldo serve de base para muitas receitas, o bom é preparar uma boa quantidade para utilizar sempre que quiser, como o meu caldo de peixe.

Leia mais:

Dieta viking – A comida pode estimular o organismo a perder peso
Light e nobre – Linguado com banana e compota de tomate

Caldos feitos no vagar do lenho, além de substituir o óleo e a manteiga na panela e até na frigideira, também rendem sopas deliciosas – uma ótima opção para quem quer afastar a fome num piscar de olhos.

Isso porque a água presente nos ingredientes e mais utilizada no cozimento aumentam ainda mais a sensação de saciedade.

A receita a seguir rende dois copos (400 ml), com nenhuma caloria.

Ingredientes

10 cm de kombu (alga)
2 ½  copos (500 ml) de água
30g de katsuo bushi (peixe bonito seco e ralado)

Modo de preparo

Coloque o kombu na água fria e leve ao fogo.
Quando começar a ferver, retire o kombu e acrescente o katsuo bushi.
Quando ferver novamente, desligue o fogo e retire a espuma.
Coe em uma peneira forrada com papel-toalha.
Use para grelhar ou assar peixes.

Esta receita é do meu livro “Comer Light”.

Para baixar e consultar meus livros no tablet sempre que quiser, visite a home do site – clique aqui.

Tags: , ,

Dados nutricionais conferidos por Carina Melo, CRN 28117