Café com ovo?

cafe-com-ovo

Mas como é que é? Costume do Leste Europeu adotado por ultra-atletas manda juntar um ovo cru ao café para um impulso extra. O que agrada também quem busca um doce para comer.

Leia mais:

Café na academia – Mantenha seu compromisso na malhação com ele
Conheça a farinha de café – Surge um novo “superalimento”

A pressa em sair de casa nos leva a comer mal no café da manhã.

Mas juntar café com ovo parece um exagero.

O costume é praticado em países escandinavos e outros, como Hungria e Vietnã, há séculos.

O resultado?

Uma bebida espessa, cremosa e doce que “turbina” o seu café cotidiano.

Sim, a preocupação com os riscos do ovo cru é válida.

O alimento in natura pode estar contaminado com a bactéria Salmonella.

Mas a temperatura do café, entretanto, parece ser suficiente para eliminar o problema.

A alegação é da American Egg Board, o lobby americano dos produtores de ovos, como citado pela Men’sHealth.

A temperatura em que ovos devem ser aquecidos é 70ºC e a água usada para fazer café precisa estar a 90ºC.

Para sanar preocupações, pode-se usar ovos pasteurizados, destes já batidos e vendidos em embalagens longa vida.

A história registra sua preferência, inicialmente, pelo sabor.

A bebida ganha cremosidade graças à lecitina, um emulsionante natural presente na gema.

E, dizem, não há gosto de ovo.

O sabor lembra baunilha e a opção fria, com gelo, parece sorvete de café.

Mas o interesse foi renovado por seu efeito pré-malhação.

Como se fosse uma alternativa ao monótono shake de proteína.

Com este propósito, o café com ovo garante um “boost” semelhante ao café “bulletproof” – leia mais aqui.

Mas com o bônus dos nutrientes da gema.

Ovos e café já fazem parte da alimentação de atletas, não necessariamente juntos.

Afinal, a cafeína antes da performance já se provou eficiente.

Mas os ácidos graxos e as proteínas que ajudam na recuperação tornam os ovos benéficos após o treino.

Além do “timing” diferente, o alegado poder do café com ovo não tem comprovação científica.

Um ovo contém 13 vitaminas e minerais essenciais, mais seis gramas de proteína de alta qualidade.

“Mas não há ganho adicional em se colocar tudo isso dentro do seu café”.

É como pensa a nutricionista Heather Mangieri, citada pela matéria.

Tem coragem?

Algumas receitas estão sendo divulgadas na internet.

Basicamente, você precisa bater dois ovos como uma omelete.

Depois, acrescente a mistura ao café de modo devagar, direto na xícara.

Para evitar bagunça, talvez seja melhor uma caneca.

Acrescente uma colher (chá) de açúcar (eu usaria adoçante) e uma pitada de sal.

Não deixe de me contar como foi a experiência.

Tags: , ,