Abaixo o Photoshop

photoshop

Tantas causas sociais e eis aqui mais uma. Rede varejista americana de cosméticos anuncia que não vai mais usar Photoshop em propagandas de beleza.

Leia mais:

100 anos da beleza – Veja como mudam os estilos através das décadas
Sociedade conformada – Como acomodar a Humanidade que mudou de corpo?

Até quem não trabalha com computação gráfica conhece o programa.

Photoshop é o mais popular software de manipulação de imagens.

Com ele, a publicidade retoca fotografias, corrigindo as imperfeições.

Principalmente de modelos que ilustram ensaios de moda.

Ou seja, ele é responsável pelas distorções nos padrões estéticos vigentes.

Aos poucos, vamos nos insurgindo contra os ideais de beleza idealizada.

O novo exemplo vem da rede americana de farmácias CVS.

A empresa anunciou que não vai mais “photoshopar” suas propagandas de cosméticos.

A regra vale para a decoração das lojas, site e redes sociais.

O compromisso é não alterar a forma, o tamanho, a proporção, a cor da pele ou dos olhos de uma pessoa.

Nem eliminar rugas ou qualquer outra característica individual.

A decisão vale desde já, com prazo final para eliminar a presença de imagens manipuladas até 2020.

Afinal, o processo envolve a negociação com fornecedores.

Que belo exemplo e inspiração para uma pauta de reivindicações.

Tags: , , , ,